Movimento sindical vai pressionar senadores para barrar MP 905 no Congresso

Nesta segunda-feira (20), a Força Sindical um ofício aos sindicatos, federações e confederações filiados a Central orientando a pressionar os senadores dos seus respectivos Estados para impedir a votação da MP 905 que institui a malfadada Carteira Verde e Amarela, que, na prática, significa menos proteção e mais precarização do trabalho no Brasil.

O documento, assinado pelo presidente da Força Sindial, Miguel Torres e pelo secretário-geral, João Carlos Gonçalves (Juruna) ressalta que esta MP 905, que provavelmente será votada hoje, é uma marca registrada do governo antitrabalhista, antinacional e antipopular de Jair Bolsonaro.

Os sindicalistas alertam ainda que há, entretanto, uma forte pressão do governo e de amplos setores empresariais para que ela seja votada. “É de fundamental importância que os sindicatos e federações façam esta pressão junto aos senadores, pois caso a MP 905 não seja votada hoje no Senado, ela caducará, o que seria uma grande vitória para os trabalhadores”, dizem Miguel e Juruna.

Para facilitar a ação, eles lembrar que todas as informações sobre os senadores (telefones, e-mail etc.) estão disponíveis no site do Senado federal: www12.senado.leg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *