Maria Rosângela Lopes participa da fundação de nova Central Sindical internacional

A presidente do SINDVAS, Maria Rosângela Lopes, participa ao lado de sindicalistas de 13 países do continente da criação da Central Sindical das Américas.  O congresso de fundação da nova organização conta com a participação de 26 centrais de diferentes países que se reúnem em Bogotá, na Colômbia, para as ações de criação.

Entre os países representados estão Brasil, México, Chile, Peru, Colômbia, Panamá, El Salvador, Honduras, Aruba, Porto Rico e Paraguai.  A nova entidade nasce para se contrapor à CSA (Central Sindical das Américas), que foi partidarizada pelo PT e pela CUT.

A nova entidade nasce apartidária, visando uma organização que fortaleça e atue para o sindicalismo autônomo, democrático e pluralista. Um sindicalismo que promova e valorize os interesses dos trabalhadores e as demandas do mundo sindical.

 

Com informações da Força Sindical

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *