Sindicato lamenta a morte de trabalhador no Vale da Eletrônica

A morte do trabalhador Taylor Benedito Balduíno chocou Santa Rita do Sapucaí nesta terça-feira (28). Ele trabalhava na empresa Tamura/Indulsul quando sofreu um acidente de trabalho, caiu de uma escada e veio óbito. Toda a diretoria do SINDVAS lamenta profundamente a perda irreparável para a família, amigos e a comunidade.

O Sindicato prestou toda a assistência para a família acompanhando o caso desde o local do acidente, hospital, funerária, polícias e solicitou a perícia. O SINDVAS lamenta ainda a falta de gerência no município para lidar com situações como esta.

O boletim de ocorrência demorou mais de 4 horas para ser feito, o velório havia começado sem o corpo ter passado por exame no IML para atestar a causa da morte, fato importante devido às condições do acidente, e por isso a família sofreu o constrangimento de ver a cerimônia paralisada, o corpo do trabalhador ficou dentro do carro da funerária debaixo do sol em frente a Polícia Militar esperando o boletim de ocorrência ser finalizado, a perícia demorou para chegar ao local do acidente e outros fatos que poderiam ser melhores gerenciamentos pelas autoridades do município em respeito ao trabalhador e familiares.

O SINDVAS mais uma vez lamenta a morte do nosso amigo Taylor Benedito Balduíno, primeiro trabalhador morto no exercício da atividade em uma indústria do Vale da Eletrônica.

O Sindicato dos Trabalhadores segue acompanhando os fatos e a investigação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *