Presidente do STF recebe dirigentes da Força e CUT

Na quarta, 13 de março, o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Tofolli, recebeu o deputado Paulinho da Força, Vagner Freitas (presidente da CUT) e Miguel Torres (presidente da Força Sindical), que buscam reforçar a articulação contra a Medida Provisória 873, sobre financiamento de entidades sindicais. Com esta MP, o governo visa acabar com a estrutura de lutas sindicais.

“Queremos que o Congresso e o STF se posicionem contra esta medida injusta, inconstitucional e nefasta para o movimento sindical e, consequentemente, para a classe trabalhadora”, diz Miguel Torres, também presidente da CNTM e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes.Atenção – O ministro Luiz Fux, do STF, remeteu para o plenário da Casa a ação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) contra a MP 873, dando prazo de 5 dias para a Presidência da República, assim que notificada, prestar informações sobre o teor da medida. O Ministério Público do Trabalho também já se posicionou contra a proposta governista.

Centrais Sindicais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *