Com crise hídrica, conta de luz ficará 5% mais cara em 2022

A pior crise hídrica no país em décadas tem colocado em dúvidas a capacidade de geração de energia do país e fará estragos no bolso dos consumidores, que pagarão mais caro na conta de luz em 2022. Isso porque, com a diminuição dos níveis nos principais reservatórios de água do Brasil, a demanda pela geração via usinas termelétricas tem crescido e aumentado o custo de produção de energia, que poderá ter uma diferença de R$ 9 bilhões este ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *