“Mulher Total” inaugura nova fase na tarefa de capacitar trabalhadores

O desafio de promover um encontro que conseguisse transmitir conhecimento de maneira leve e descontraída foi amplamente vencido no decorrer do Seminário “Mulher Total”, promovido pela Secretaria da Mulher da Força Minas, coordenada por Maria Nelcy de Oliveira, e apoiado pela diretoria do presidente Vandeir Messias. O evento teve lugar nas dependências do Dayrrel Hotel, localizado no Centro da capital mineira.

Ao final de dois dias, era nítida a compreensão do que significa a expressão “empoderamento”, que nada mais é do que a segurança que vem junto com a capacitação. Foi o que disse a palestrante e coach Patrícia Carvalho, ao recapitular os diferentes momentos do histórico encontro. Como disse, “”de nada vale o conhecimento sem execução”, citando um livro que só se justifica ao ser lido.

Em dois dias de aprendizado e intensa troca de experiências, as participantes do evento podem retomar o caminho valorização de si mesmas, a partir do entendimento de que o conhecimento e as noções aprendidas devem ser compartilhados, com parentes, amigos, colegas de trabalho e também com toda a coletividade. Cada mulher agindo como polo irradiador de incentivo ao estudo.

PAINEL APRESENTA FOTOS DAS PARTICIPANTES

Patrícia Carvalho ainda surpreendeu as mulheres ao exibir sequência de fotos em que apareciam aquelas pessoas que estavam no recinto. Em momento repleto de emoção e marcado pela espontaneidade, as imagens foram apresentas com fundo musical, com destaque para a frase “Tudo o que existe é principal, para você gerar a vida é natural”.

Antes de anunciar a secretária nacional da Mulher da Força, Maria Auxiliadora, a palestrante fez menção à passagem do Dia Internacional da Mulher – 8 de março -, mesma data em que foi fundada a Força Sindical, em São Paulo. Patrícia resgatou o significado daquela data, em que trabalhadores da Europa e dos Estados Unidos lutavam papara melhorar as condições de trabalho e os direitos sociais e políticos, na segunda metade do século 19 e se prolongaram até as primeiras décadas do 20º. Ao citar as 145 tecelão queimadas no dia 8 de março de 1857, em Nova Iorque, Patrícia Carvalho aproveitar para observar que embora tenham escolhido uma data especial para a homenagem, todos dias são dedicados às mulheres.

PLENÁRIA NACIONAL PELO EMPODERAMENTO

Depois de participar de todas as atividades e da dinâmica de grupo, a secretária nacional da Mulher agradeceu à oportunidade e elogiou a organização do seminário “Março Mulher”, promovido como evento preparatório para a plenária nacional de mulheres da Força Sindical, que ocorrerá nos dias 7, 8 e 9, no município de Praia Grande, litoral de São Paulo. O encontro servirá para organizar a participação das trabalhadoras no Congresso Nacional e para o qual são esperadas cerca de trezentas dirigentes sindicais de todas as regiões do País.

A secretária Maria Auxiliadora dos Santos apresentou os cinco temas que vão nortear os debates do seminário: “Violência Contra a Mulher”, “Reforma da Previdência”, “Empoderamento das Mulheres”, “Mulher e o Mercado de Trabalho” e “Ratificação da Convenção 156 da Organização Internacional do Trabalho (OIT)”, que prega a igualdade de direitos entre homens e mulheres e compartilhamento na execução de funções domésticas.

Assessoria de comunicação Força Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *