Com pandemia de coronavírus, luz não poderá ser cortada até 31 de julho

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) decidiu que não pode haver corte de luz dos brasileiros até o dia 31 de julho deste ano. A medida consta da renovação da resolução 878, aprovada em março, que trata sobre ações de proteção na pandemia do novo coranavírus.

As regras valem mesmo para o caso de inadimplência e abrangem “unidades consumidoras residenciais urbanas e rurais, incluindo baixa renda, além de serviços e atividades consideradas essenciais pela legislação, tais como assistência médica e hospitalar, unidades hospitalares, institutos médico-legais, centros de hemodiálise e de armazenamento de sangue, entre outros”, diz nota a agência.

Além da proibição do corte de luz, também há regras de proteção para os funcionários das redes de distribuição, que devem seguir com medidas para evitar a contaminação dos trabalhadores pela Covid-19.

No mês passado, a agência também havia definido que, até o final do ano, o uso das bandeiras tarifárias fica suspenso. Com isso, será aplicada apenas a bandeira verde e não haverá cobrança extra de energia na tarifa dos consumidores.

Agora SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *